7 cuidados que você deve tomar antes de comprar imóvel na planta

comprar imóvel na planta
6 minutos para ler

Comprar um imóvel é sempre uma tarefa que exige bastante cautela. Dentre as várias opções, você pode comprar imóvel na planta. Isso tem atraído muita gente por conta de suas inúmeras vantagens, como as boas condições de financiamento e um preço menor a ser investido no ato da compra, diferentemente de outras opções, como os apartamentos prontos.

Um imóvel novo dá a você várias opções. Ele serve tanto para morar como para conseguir uma renda extra.

A primeira alternativa é indicada para aqueles que buscam sair do aluguel e desejam iniciar uma nova etapa da vida, com mais independência e mais responsabilidades.

Já na segunda alternativa, o imóvel representa um bom investimento, seja para alugar, para especular ou, até mesmo, para que ele sirva como instrumento de barganha para negociação de empréstimos e financiamentos futuros com os bancos.

Dessa forma, daremos a você 7 dicas que você deve seguir para comprar um imóvel na planta. É importante frisar que, para que tudo ocorra bem, as dicas devem ser seguidas simultaneamente e em conjunto, e não de forma isolada. Confira tudo neste post!

1. Pesquisar o histórico da construtora

A primeira dica é pesquisar bem o histórico da construtora e da incorporadora que está vendendo o imóvel na planta. Pesquise por outros empreendimentos da construtora, tente conversar e receber um feedback de um comprador antigo e ouça atentamente o que ele tem a dizer sobre a sua experiência.

Pesquise na internet sobre a fama da empresa e a sua nota de reputação. Verifique se a empresa tem um número alto de reclamações em sites como o Reclame Aqui e nas redes sociais. Esse é o primeiro passo para comprar um bom imóvel.

Empresas com imagens ruins devem ser evitadas e desconsideradas da sua lista.

2. Ler as cláusulas de contrato com muita atenção

O segundo passo é ler e analisar com atenção as cláusulas do contrato da construtora sobre a compra do imóvel. Leia-o em suas minúcias e, se preciso for, conte com o auxílio de profissionais especializados na área, como advogados ou corretores.

Essas cláusulas resguardam você, o cliente, diante de situações negativas. O contrato deve ser justo para ambas as partes. Caso seja necessário, tente negociar e reivindicar algumas questões que você considera pertinentes, contando com ajuda legal para isso.

3. Verificar a documentação do empreendimento

É necessário prestar atenção em toda a documentação legal existente. É fundamental exigi-la antes de tomar qualquer decisão sobre a compra do imóvel.

Ela garante os seus direitos enquanto comprador e, caso você não esteja de acordo, é importante que a compra seja deixada de lado.

Talvez, novamente, seja necessária a consultoria junto a profissionais mais familiarizados com a questão de compra e venda de imóveis. É melhor tomar medidas preventivas antes do que correr atrás depois por meio de medidas judiciais. Então, você deve se municiar de tudo o quanto for necessário legalmente.

4. Analisar a planta com atenção

Uma boa forma de se preparar para comprar um imóvel na planta é analisando-o e comparando-o às demais construções de outros empreendimentos imobiliários, da mesma empresa ou não. Isso aproxima você do projeto e faz com que compreenda melhor aquilo que está adquirindo.

Além de verificar o tamanho dos espaços, é crucial analisar de que forma estão distribuídos os cômodos. 

Considere também as questões mais técnicas, como a posição do imóvel em relação ao sol, a direção dos ventos dominantes, a localização dos pontos de gás e dos pontos elétricos, entre outros aspectos fundamentais.

Esses últimos são importantes para possíveis reformas e projetos de interiores que você pode desenvolver dentro do novo imóvel.

5. Receber a consultoria de profissionais especializados

A consultoria de profissionais especializados é essencial para uma compra proveitosa, conveniente e bem-sucedida. Entre esses profissionais, já citamos anteriormente corretores e advogados. Contudo, também é indispensável o auxílio de profissionais qualificados da construção civil, como arquitetos e engenheiros.

Esses profissionais estão mais capacitados para opinar e apontar possíveis erros e incompatibilidades construtivas na obra. São eles que podem questionar os materiais, o pé direito do imóvel, a alta incidência solar e os possíveis problemas térmicos futuros, além de outras questões primordiais.

6. Ter certeza do que você quer

Essa dica vale para qualquer modalidade de compra que você adotar. Visto que comprar um imóvel é um alto investimento, é imprescindível refletir bastante sobre esse assunto. Entenda se é isso que você precisa, se é isso que você quer e se a sua realidade financeira permite que você dê esse passo.

Se você tem uma família e ela também está presente nesse processo de mudança, todos os envolvidos devem ser ouvidos, inclusive as crianças.

Lembre-se de que um imóvel é um investimento que dura durante boa parte da sua vida (ou até mais do que ela). Então, é melhor que a decisão seja boa para todos aqueles que fazem parte dessa situação!

7. Fazer visitas ao imóvel comprado na planta durante a construção

Depois de já finalizar o processo de compra, você deve fazer visitas ao imóvel em seu projeto de construção.

Acompanhando, você garante que o imóvel será entregue da forma prometida, com as mesmas dimensões e com os mesmos materiais. O investimento é bastante alto. Sendo assim, a cobrança deve ser feita sempre que possível!

Dessa forma, adquirir um imóvel ainda não construído é uma modalidade bem interessante de compra e, certamente, deve ser considerada.

Há riscos, como em qualquer outra modalidade de compras que você tem. Entretanto, tomando os devidos cuidados, você se respalda e diminui as margens desse risco, além de se preservar para tomar medidas cabíveis.

Se todas as dicas forem seguidas e a operação for feita com cautela, vale a pena. Planeje-se e pesquise bastante o mercado das construtoras, das incorporadoras e as modalidades de financiamento. Desse modo, você consegue comprar um imóvel na planta a um preço bem em conta e que satisfaça todas as suas necessidades e da sua família.

Gostou do texto de hoje? Que tal compartilhar este post em suas redes sociais? Mostre também, para os seus amigos e familiares, algumas dicas sobre os cuidados que devem ser tomados ao comprar imóvel na planta!

Você também pode gostar

Deixe um comentário