Antes de realizar o sonho da casa própria, há uma boa dose de pesquisa pela frente. Os futuros proprietários precisam escolher o local ideal, o tipo de imóvel que vai atender melhor às necessidades da família, o que se encaixa no orçamento do casal. Nessa hora, surge uma dúvida muito comum: é melhor construir ou comprar apartamento pronto?

Já de partida, podemos afirmar que não existe uma resposta única. A melhor opção vai variar de caso para caso, dependendo do perfil do casal.

Mas, neste artigo, apresentamos algumas vantagens e desvantagens de cada uma das opções, além de dar uma terceira alternativa para quem está pensando em comprar. Dessa forma, você pode escolher o que é melhor para você. Confira! 

Prós e contras de comprar apartamento pronto

Para quem deseja se mudar rapidamente, comprar o apartamento pronto é a melhor opção. O tempo de escolha do imóvel ideal vai depender somente do futuro proprietário e, dependendo das condições do local escolhido, é possível fazer a mudança assim que as chaves forem entregues.

Outra grande vantagem de comprar o imóvel pronto para morar é não precisar se preocupar com o projeto. As construtoras já têm toda a planta desenvolvida e com bons planos de iluminação, hidráulica e ventilação. Tudo assinado por engenheiros e arquitetos especializados, que garantirão a segurança do imóvel.

Além disso, boa parte dos condomínios conta com áreas de lazer completas, que já poderão ser usufruídas pelos novos moradores, sem a necessidade de aguardar a compra de equipamentos.

Esse aspecto traz consigo uma outra vantagem: o valor do condomínio já estará estabelecido, uma vez que não serão necessárias grandes compras para as áreas comuns do prédio e os serviços também estão definidos.

Porém, na hora de fazer essa escolha por um imóvel pronto, é importante pensar se a unidade precisará de reformas para atender as suas necessidades e ficar de acordo com o seu gosto.

Alguns trabalhos não podem ser realizados com o apartamento habitado. Já outros até podem, mas sempre trazem inconvenientes para os moradores. Além disso, as reformas podem ter um custo alto, que precisam ser adicionadas ao valor final do imóvel.

Quem tem um valor guardado para dar uma boa entrada pode ter acesso a bons planos de financiamento. O valor das parcelas e o prazo vão variar de acordo com o montante que foi dado na entrada.

Prós e contras de construir

A maior vantagem de construir o próprio imóvel é ter a liberdade de tomar todas as decisões a respeito de como será a casa. Quantidade de quartos e banheiros, acabamentos, se será um imóvel térreo ou se haverá mais de um andar — o projeto está aberto, e tudo é possível.

Mas é importante considerar também os contras dessa opção. Uma obra demanda o acompanhamento de um bom arquiteto ou engenheiro, para garantir a segurança do imóvel, e isso pode encarecer o projeto.

Além disso, gerenciar uma obra não é fácil. Quem constrói precisa estar disposto a dedicar bastante atenção para resolver problemas como falta de material, ausência de profissionais na obra, consequências do mau tempo e outros vários imprevistos.

Normalmente, essa costuma ser uma modalidade interessante para quem está construindo uma segunda moradia — como uma casa de praia ou de campo —, ou para quem não tem pressa para se mudar. Também pode ser uma forma encontrada para aqueles casais que fazem questão de morar em uma casa, em vez de um apartamento.

Comprar na planta é outra possibilidade

Uma boa opção para casais que estão em busca do sonho da casa própria é a compra do apartamento na planta. Essa modalidade pode ser vista como um meio-termo entre comprar pronto e construir, pois agrega vantagens das duas modalidades.

O apartamento na planta costuma ter planos de financiamento melhores, uma vez que o imóvel ainda está em construção e pode demorar alguns anos para ser entregue.

Quem compra primeiro tem a vantagem de ter mais tempo para pagar e ainda consegue um preço mais baixo, já que o imóvel vai se valorizando à medida que a obra vai progredindo. Os valores de entrada também costumam ser menores e, em alguns casos, é possível se candidatar ao subsídio do Minha Casa Minha Vida.

Do ponto de vista da construção, por um lado o proprietário que compra na planta não tem que se preocupar com o projeto, que é de responsabilidade de construtora ou incorporadora.

Mas isso não quer dizer que não seja possível ter um imóvel do jeitinho que você deseja. Alguns empreendimentos permitem um certo grau de personalização do imóvel, como a escolha de acabamentos que agradem mais aos proprietários.

Como um dos primeiros proprietários de imóveis no condomínio, você também poderá opinar em questões relativas à área de lazer e à escolha das vagas de garagem.

Para quem não tem pressa para se mudar e está fazendo seu planejamento do apartamento próprio com antecedência, a compra de um imóvel na planta traz uma série de vantagens.

A maior desvantagem seria ter que lidar com a ansiedade de não poder se mudar logo para a casa nova. Mas isso também pode ser administrado com o acompanhamento da obra, que faz você enxergar o sonho virando realidade.

Depois de ter lido todo este artigo, você certamente já entendeu que não é possível dar uma resposta única à questão que colocamos lá no início do texto. A escolha sobre construir o imóvel, comprar apartamento pronto ou comprar na planta vai depender exclusivamente do perfil de cada casal, das necessidades e dos planos de vida de cada um.

Por isso, é muito importante considerar variáveis como estilo de vida, local de trabalho das pessoas, proximidade das respectivas famílias, opções de lazer. Tendo esses aspectos em mente, é perfeitamente possível encontrar ótimas opções, seja a sua escolha por construir, comprar apartamento pronto ou comprar na planta.

A ViaSul Engenharia tem várias oportunidades para os mais variados tipos de públicos. Se quiser conhecer melhor os nossos imóveis, entre em contato conosco! Será um prazer ajudá-lo a encontrar a melhor opção para realizar o seu sonho da casa própria!

Sonho da casa própria 2019Powered by Rock Convert