Você sabe o que é um imóvel remanescente? Não? Pois não se preocupe! A maioria das pessoas não o sabe, nem conhece as nomenclaturas mais utilizadas no setor imobiliário.

Talvez você até se pergunte: afinal, qual é a importância de saber sobre isso? Mas a verdade é que essa informação pode ser essencial para quem pretende comprar um imóvel. Isso porque os remanescentes apresentam algumas vantagens excelentes, que os tornam, muitas vezes, um investimento melhor do que qualquer outro tipo de imóvel.

Diante disso, neste texto veremos o que é um imóvel remanescente, quais são essas vantagens que ele concede aos seus compradores e por que essa opção é um bom negócio. Continue lendo e confira!

O que é um imóvel remanescente?

Quando um empreendimento imobiliário é anunciado, a construtora ou incorporadora responsável realiza o lançamento para comercializar as unidades. Assim, pode obter o capital necessário para a construção dos imóveis sem precisar recorrer a empréstimos ou utilizar o dinheiro que tem.

Nesse sentido, imóvel remanescente é o nome dado a todos os imóveis que não foram comercializados no prazo de 180 dias após a data de lançamento de um empreendimento. É importante ressaltar, contudo, que esses imóveis podem tanto estar na planta quanto em construção ou prontos.

Por isso, ao procurar um imóvel remanescente, é importante sempre verificar a situação em que ele se encontra e qual é o prazo de entrega do imóvel. Caso o imóvel já esteja construído, não deixe de visitá-lo e verificar se as suas características o atendem.

Quando o imóvel é denominado remanescente?

Existem algumas razões que fazem com que um imóvel se enquadre nessa nomenclatura, e a primeira delas diz respeito às suas características.

Uma cobertura, por exemplo, pode não ser comercializada nos primeiros 180 dias após o lançamento do empreendimento justamente por ter um preço maior que os outros apartamentos.

Outro motivo é que algumas construtoras optam por manter consigo certos imóveis, seja como forma de estratégia de venda ou para obter uma reserva técnica. Além disso, quando um imóvel é comprado, mas o proprietário não paga as parcelas, ele é devolvido à construtora para ser colocado novamente no mercado.

Por que pode ser uma boa oportunidade?

Mesmo que seja não vendido, um imóvel gera custos — como IPTU e condomínio —, e esses custos são de responsabilidade da incorporadora ou construtora. Também existe a possibilidade de o imóvel não valorizar com o tempo, ou mesmo de ele perder um pouco do seu valor de mercado.

Esses fatores tornam mais interessante que o imóvel seja logo vendido. Por isso, são oferecidos benefícios para que a venda ocorra mais rapidamente, e que os custos pagos pela incorporadora sejam durante o menor prazo possível.

Quais são as vantagens de comprar um imóvel remanescente?

Geralmente, para tornar a venda desse imóvel mais atrativa, as incorporadoras e construtoras oferecem alguns benefícios aos seus compradores.

Quando têm financiadora própria, por exemplo, essas empresas conseguem oferecer taxas de juros menores, reduzir o valor da entrada ou, em alguns casos, parcelar o valor da entrada. Também costumam proporcionar maior extensão do prazo de pagamento, e até oferecer descontos diretos no preço do imóvel.

A seguir, explicamos melhor as principais dessas vantagens:

Preços mais baixos

Como dissemos, para a incorporadora ou construtora, um imóvel remanescente representa dinheiro parado. E, caso essa realidade se mantenha por um tempo considerável, além de não receber o investimento realizado a empresa ainda será responsável pelo pagamento de taxas, impostos e a manutenção do imóvel.

Por isso, as empresas tendem a fornecer excelentes descontos para os compradores de imóveis remanescentes. Esses descontos variam de acordo com a forma de pagamento, ainda assim, os preços costumam ser menores que o praticado no mercado. Portanto, são um bom investimento.

Melhores condições de pagamento

As construtoras também podem oferecer melhores condições de pagamento, uma vez que, assim, atingem um número maior de pessoas interessadas e facilitam a aquisição do imóvel. Essas condições são ainda melhores quando o construtor ou incorporador precisa reaver o investimento com maior urgência.

Maior segurança na escolha

No caso de imóveis remanescentes que já estão construídos, você poderá fazer uma visita e verificar todas as características e detalhes do imóvel já pronto — conferindo, inclusive, a incidência solar.

Quando optar por esse tipo de investimento?

Durante a procura para adquirir um imóvel, o comprador em potencial costuma dividir os imóveis em novos ou usados. Após essa divisão, ele define as características que deseja no empreendimento e começa a sua procura.

Já a classificação de imóvel remanescente só existe para os corretores, construtores, incorporadores e imobiliárias. Para o cliente, o imóvel é novo, e o fato de ser remanescente só proporciona benefícios, como as maiores facilidades no ato da compra.

Nesse caso, para compradores que, até então, tinham optado por imóveis antigos, o remanescente pode ser uma excelente opção, pois apresenta um custo muito interessante quando comparado aos demais imóveis, sejam novos ou usados.

Portanto, para quem deseja procurar boas ofertas de imóveis remanescentes, o ideal é procurar em plataformas que reúnam vários remanescentes. Dessa forma você poderá conhecer os que estão disponíveis e verificar qual localidade, característica e preço.

E aqui é importante ressaltar que existem, hoje, corretores especializados em encontrar esse tipo de imóvel, uma vez que, com a atual situação econômica do Brasil, seu número cresceu no mercado.

Tal situação econômica, inclusive, torna mais interessante a aquisição de qualquer imóvel, seja ele novo ou usado, devido ao menor preço consequente da menor procura de imóveis. Ainda assim, quando se trata de remanescentes a redução é mesmo mais significativa, o que faz dessa opção mais atraente e interessante financeiramente.

Enfim, ao longo deste texto vimos diversas vantagens concedidas ao comprador interessado em adquirir um imóvel remanescente. O valor é menor do que o praticado no mercado para uma mesma tipologia, bem como as taxas de juros, e as opções de financiamento são mais abrangentes e interessantes.

Por todos esses motivos, a compra de um imóvel remanescente é uma excelente opção para quem deseja comprar uma propriedade e procura por melhores valores e boas formas de pagamento, mas sem abrir mão de qualidade!

E aí, gostou do nosso post? Sobrou alguma dúvida, ou tem alguma experiência para dividir conosco? Deixe-nos o seu comentário!

Sonho da casa própria 2019Powered by Rock Convert