Recém-casados buscam privacidade e, para isso, nada melhor do que ter sua própria casa: um espaço construído e montado levando em conta o gosto e a preferência do casal. 

Já diz o ditado: “Quem casa quer casa”. Imagine dar um passo tão importante na vida e continuar morando com os pais, sem privacidade?

Neste post vamos mostrar 4 motivos que comprovam a importância de os recém-casados buscarem um imóvel próprio. Continue a leitura e fique por dentro do assunto!

1. Contar com maior privacidade

A falta de privacidade é um dos problemas de continuar morando na casa dos pais. Afinal, quando você tem seu próprio espaço, as regra e decisões são suas. 

A situação pode ser desagradável tanto para os recém-casados quanto para os donos da casa, no caso, pais ou sogros. Imagine que eles gostem de receber visitas com frequência e que vocês prefiram um ambiente mais sossegado, ou vice-versa. A convivência não vai ser fácil.

2. Ter mais liberdade

Outro ponto a ser levado em consideração é a liberdade. Na sua própria casa você pode chegar e sair quando quiser, por exemplo. Porém, quando a casa não é sua, é preciso respeitar as normas impostas por outras pessoas.

Mesmo que os anfitriões se esforcem para que o casal se sinta à vontade, qualquer pequeno ato pode ser interpretado de forma errada. Além do mais, as pessoas têm costumes diferentes. Adquirindo o próprio imóvel, o casal faz as regras de acordo com seus próprios interesses e suas necessidades.

3. Evitar interferências na vida do casal

Os pais tendem a proteger os filhos e mesmo que não tenham a intenção de interferir na relação do casal, isso é algo que, cedo ou tarde, acaba acontecendo. Pequenos palpites e tentativas de mudar ou controlar as pessoas podem gerar grandes problemas no relacionamento, principalmente quando se trata de recém-casados.

O pior é que, nesse caso, a interferência pode dividir o casal. Afinal, como escolher entre ficar do lado da esposa/do marido ou do lado dos pais, quando há desentendimentos? Comprando o seu próprio imóvel, é possível evitar esse tipo de situação e manter um clima saudável e harmonioso entre todos os membros da família.

4. Fugir de conflitos

Mais um motivo para não morar com os pais ou sogros, após o casamento: evitar conflitos desgastantes e, muitas vezes, desnecessários.

Mesmo quando se tem um ótimo relacionamento com os familiares do cônjuge durante a fase de namoro ou noivado, é possível surgir problemas a partir do momento em que o casal e os familiares dividem o mesmo teto.

São muitas as vantagens de se comprar uma casa própria, especialmente para os recém-casados, que querem ter privacidade na vida a dois. Existem opções bem interessantes, como o programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal, que vão te ajudar a adquirir com maior facilidade o primeiro imóvel.

Agora que você já conhece os motivos para comprar um imóvel e sair da casa dos pais, siga a gente no Facebook e fique por dentro das melhores oportunidades do mercado imobiliário!